• Patrícia Candoso

Aproxima-se o fim




Para mim setembro tem tanto de magia como de ansiedade. E este ano ainda mais, foram seis meses de incerteza, altos e baixo, de quarentena, pandemia... E com a chegada de setembro aproxima-se o fim, pelo menos de 2020...


Em setembro é o meu aniversário e este ano será o último da década dos 30. Em setembro começam as aulas, mas este ano, em vez da excitação da nova escola, do novo ano letivo, de fazer novos amigos ou reencontrar os colegas, existe o medo, a preocupação, o distanciamento. Este ano, para setembro, também havia a expectativa associada ao estado da pandemia. Há também a dúvida e receio associados a um outono e inverno que se aproxima... uma segunda vaga... ou não... incertezas e mais incertezas que nos deixam muitas vezes alienados.

Por vezes sinto que andamos quase todos em modo robô, a contar os dias para o fim do ano, querendo esquecer que 2020 sequer existiu. Mas é importante não perder o foco e principalmente não esquecer o que temos de bom nas nossas vidas.


Que o aproximar do fim seja breve, tanto de 2020 como desta pandemia que não nos deixa viver descansados.


Por aqui já começamos a creche, cheia de reservas claro, mas temos de confiar e fazer a nossa parte. Aquilo que faço é tentar que a Maria Clara fique o menos possível na escolinha. Mas sei que muitos pais não têm essa possibilidade.


Bem, uma das poucas coisas positivas que a quarentena e este novo estilo de vida me trouxe, foram uns poucos kg a mais. Que no meu caso agradeço! Lembra-se do meu post sobre a magreza? O facto de não saltar refeições e ter tempo para criar pratos saudáveis e nutritivos ajudou bastante. Não se nota na foto? Eu noto! E nas roupas também.




118 visualizações

visitantes

Fica a par de todas as novidades

© 2017 Quero a minha mãe. Proudly created with Wix.com