• Patrícia Candoso

Dia da Grávida


Há dois anos estava nesse estado de graça com cerca de 20 semanas. Foram as 40 semanas mais intensas da minha vida. Com mudanças a cada dia que passava, medos e receios a crescer, um total desconhecimento do que estaria para acontecer.

O que faria de diferente? Muitas coisas! Faria o curso pré-parto, não consegui fazer por motivos profissionais, estive a trabalhar até as 37 semanas com espetáculos quase todos os dias. Aceitava mais vezes a amabilidade das pessoas nas filas do supermercado. Acreditam que por vezes ficava com vergonha de aceitar passar à frente! Claro que mais no final da gravidez com o peso da barriga aceitava logo. Dormia mais! É que é mesmo verdade, depois deles nascerem sabe-se lá como vão ser as nossas noites.

Mas de forma geral foi uma gravidez muito tranquila, calma, sem azia, enjoos... e foi o grande motivo para iniciar este blog dedicado ao universo das mães! Por isso, a todas as grávidas muitas felicidades e aproveitem as vossas barrigas!

#grávida #amor #família

100 visualizações

visitantes

Fica a par de todas as novidades

© 2017 Quero a minha mãe. Proudly created with Wix.com