visitantes

Fica a par de todas as novidades

© 2017 Quero a minha mãe. Proudly created with Wix.com

Não sei como lidar com isto...

November 18, 2019

 

Quando somos mães e pais é frequente ouvirmos a pergunta: “é parecida com quem?” Pois aqui em casa não sabemos! Parece ter os olhos grandes como o pai, a boca faz lembrar a mãe, o formato dos pés de uma avó, as mãos da outra avó, uma personalidade já bastante vincada... uma mistura única e tão perfeita dos nossos genes.

Com 21 meses a Maria Clara é uma comunicadora de primeira, fala pelos cotovelos e tudo bem explicado, canta e decora as letras de músicas que nem eu sei e até sabe... o contribuinte do pai! Sim é verdade, ela sabe... não sei como! E eu não sei como lidar com isto... porque de facto nesse campo da memória é muito parecida comigo.

A escolinha, que ela agora adora, larga-me a mão e vai para a sala sem sequer olhar para trás,    tem tido um papel fundamental no seu desenvolvimento também. Há cinco dias que está em casa com a primeira doença a registar desde que nasceu. Sintomas de constipação, uns dias com diarreia a julgar que seriam mais dentes a rebentar e de repente... febre! Depois do período recomendado pelos médicos a controlar os picos de febre lá fomos à urgência pediátrica. Resultado: princípio de otite num ouvido. Como os sintomas já tinham muitos dias foi recomendado tomar antibiótico.

E pronto primeiro antibiótico na vida da Maria Clara. As vezes é inevitável e tem mesmo de ser, apesar de não simpatizar com tal medicamento. A febre desapareceu logo em poucas horas mas optámos por ficar em casa mais uns dias de forma a resguardá-la.

Mas não tem sido fácil ocupá-la, distraí-la e criar actividades para preencher os dias! Ontem resolvemos montar a árvore de Natal. Foi uma aventura, porque primeiro queria fazer parte da decoração encostada à árvore e não saia! Depois todos os motivos para decorar eram para brincar, ela e os gatos, claro! Por fim lá conseguimos (apesar de ainda faltarem alguns pormenores) e ela ficou fascinada! Ligámos as luzinhas da árvore e ela só cantava a música dos parabéns! Bom... não é bem o tema mais indicado mas serviu para demonstrar a sua felicidade.
 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Autora de Quero a Minha Mãe, um blog dedicado ao universo complexo das mãe. 

FEATURED POSTS

Please reload