© 2017 Quero a minha mãe. Proudly created with Wix.com

Fica a par de todas as novidades

visitantes

Não! Não! Não quero!

August 26, 2019

 

 

 

Olá mãe bem-vinda ao mundo das birras que, segundo dizem podem começar aos 6 meses e durar até aos 8 anos. É sem dúvida aquele comportamento, que faz parte do desenvolvimento de todas as crianças, pelo qual os pais menos anseiam. Por aqui, aos 18 meses, está a iniciar! O que fazer? Como lidar? De repente, aquele ser amoroso que só apetece encher de beijos, vira um pequeno monstrinho!

 

A palavra NÃO está constantemente na ponta da língua. E ela sabe muito bem o que quer dizer, é bem explícita quando diz: “não quei sopa quei futa!” NAO QUERO passou a ser a sua frase favorita! E ao final do dia, principalmente ao jantar, parece ser o horário favorito para revelar esse lado de monstrinha.

 

Segundo um estudo as piores birras situam-se entre os 2 e 4 anos de idade... que bom saber isso! Mas nós pais temos que ter paciência, somos os adultos desta relação e, se nós por vezes lidamos mal com a frustração e com o não, como hão-de reagir os nossos bebés, que ainda não têm maturidade para lidar com isso? Mas não quer dizer que não tenhamos de lhes dizer não e mostrar os limites, temos é que ser criativos e arranjar formas mais delicadas de o fazer. Não é fácil! Pois não... e os piores anos ainda aí vêm!

 

Pelo que li, vi e me aconselhei, uma das formas mais eficazes é a prevenção! Ou seja antecipar a birra, porque ela tem um padrão e começa quase sempre da mesma forma, relacionada com algum sítio ou situação, sono, fome, mudança de hábitos... Não deixar que chegue àquele choro compulsivo, gritos, espernear... e como fazê-lo? Boa questão! Cada criança é única temos de descobrir o que funciona com a nossa, e também depende muito da idade. Para alguns uma conversa em tom de negociação funciona, iniciar uma brincadeira que a criança goste... mudar de ambiente... mas sempre num tom que elas entendam. As crianças não falam “adultês”! 

 

Pois, pois tanta teoria e sabedoria mas não hora H... é que eles testam mesmo a nossa paciência, não é pais?! Bom, doses de amor queridos pais é o que vos desejo! 

 

 

 

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Autora de Quero a Minha Mãe, um blog dedicado ao universo complexo das mãe. 

FEATURED POSTS

November 4, 2019

September 16, 2019

Please reload

  • Black Facebook Icon
  • Black Instagram Icon